contato@palinialves.com.br 55 (19) 3661.9600
MenuClose
NOTÍCIAS / RELEASES

CAFÉS ESPECIAIS DO BRASIL: SMC IMPLANTA UMA DAS MAIS MODERNAS E COMPLETAS CENTRAIS DE BENEFÍCIO COM TECNOLOGIA PALINI & ALVES

voltar07.12.2017

Todos sabemos que o Brasil é o maior produtor e exportador de cafés do mundo há muito tempo. Nos últimos anos porém, a grande novidade é o país despontar como importante origem de cafés diferenciados do mundo (aqueles que têm qualidade superior ou algum selo de certificação, verificação ou origem). Segundo dados do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé), o Brasil exportou até outubro deste ano 3,8 milhões de sacas de cafés diferenciados.

 

Uma das mais importantes empresas deste setor é a SMC Specialty Coffees. Criada em 2009 para comercializar e fornecer cafés finos, especiais e certificados, a empresa é integrada à Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé), maior cooperativa de produtores de café do mundo. De acordo com Osvaldo Bachiao, diretor da SMC e representante do Conselho Administrativo da Cooxupé, o desafio da empresa em 2017 é de embarcar 120 mil sacas de cafés especiais, com nota acima de 82 pontos pela metodologia SCA (Specialty Coffee Association).

Para atingir este objetivo a SMC implantou recentemente a estrutura de benefício mais moderna e completa do mercado brasileiro, com capacidade total de 300 mil sacas/ano. E a execução deste ambicioso projeto contou com a experiência e tecnologia de ponta da empresa Palini & Alves. O projeto foi desenvolvido de forma totalmente customizada para atender as necessidades específicas da SMC e seus clientes, do Brasil e exterior. Todos os equipamentos foram preparados para processar cafés finos e especiais. A capacidade de produção total do projeto é de 12 toneladas/hora. Para Osvaldo Bachiao, o projeto visa atender à demanda dos clientes internacionais: “O projeto indústria SMC-Palini trará maior confiança aos nossos atuais clientes, visto o total controle nos preparos, e consequentemente, oportunidades para atrair novos clientes.”

Segundo o Diretor Comercial da Palini & Alves, Carlos Henrique Palini, a parceria com a SMC é de extrema importância. “A Palini & Alves preza muito as parcerias e no caso da SMC não foi diferente. O fato de termos sido escolhidos para desenvolver o projeto e fornecer equipamentos, nos deixa bastante orgulhosos, pois é a confirmação de que estamos no caminho certo”, afirma Carlos Henrique.

Para Osvaldo Bachiao, a parceria SMC/Palini & Alves é estratégica: “A marca Palini & Alves traz segurança à nossa tomada de decisão, visto a parceria de sucesso de longa data com nossa empresa mãe, a Cooxupé. Portanto tenho certeza de que teremos sucesso nessa nova etapa da SMC”.


Osvaldo Bachiao Filho, Carlos Augusto Rodrigues de Melo, Carlos Alberto Paulino da Costa da SMC e Carlos Henrique Palini, diretor da Palini & Alves

O projeto é completo, com equipamentos envolvendo todas as fases do beneficiamento para a obtenção de cafés de qualidade: inicia-se no recebimento do café a granel ou big bag, transporte, limpeza, armazenagem, rebenefício e preparo do café através da liga (ou blend) indicada pelo comprador. Logo após, o café é pesado e embarcado na embalagem solicitada: sacaria, big bag ou granel. Outro grande destaque são os painéis de comando e toda instalação elétrica, projetada de forma a atender um projeto desta magnitude. Apesar de estarem neste momento em fase inicial de operações, Osvaldo Bachiao já demonstra sua satisfação com o maquinário Palini & Alves, “já é possível identificar a qualidade do produto final para exportação. Então, estamos muito satisfeitos com o serviço de instalação e pós-venda oferecidos pela Palini”.

O Brasil caminha a passos largos para se tornar o maior fornecedor de cafés diferenciados do mundo. Para atingir este objetivo, além da grande dedicação dos nossos cafeicultores, o setor se alicerça em grandes instituições e empresas com capacidade e tecnologia para atender as crescentes demandas deste exigente mercado. Por esta razão, parcerias como esta, entre a Cooxupé, SMC e Palini & Alves são fundamentais para que nossos cafés alcancem o status que merecem no mercado internacional.

Com esta visão, o Diretor da SMC destacou o foco da empresa no futuro dos cooperados Cooxupé: “A SMC tem o objetivo de gerar oportunidades aos cooperados Cooxupé de participarem do mercado de café especial. Portanto, esta nova indústria concebida para trabalho apenas com cafés especiais nos faz vislumbrar sermos a melhor empresa de cafés especiais do Brasil”, afirma Osvaldo Bachiao.

 

Sobre a SMC

A SMC Specialty Coffees nasceu em 2009 para comercializar e fornecer cafés finos, especiais e certificados, oferecendo lotes únicos ou blendados. Integrada à Cooxupé, maior cooperativa de produtores de cafés do mundo e sinônimo de confiança e credibilidade, a SMC nasce para atender ao mercado de cafés especiais que não para de crescer. A Cooxupé nasceu em 1932 como Cooperativa de Crédito Agrícola, transformando-se em Cooperativa de Cafeicultores em 1957. Hoje, são mais de 14.000 produtores de café associados e mais de 2000 colaboradores, que num esforço conjunto produzem mais de quatro milhões de sacas de cafés anualmente. Assistência técnica, linhas de crédito, apoio comercial e fornecimento de insumos fazem parte do dia-a-dia da Cooxupé e seus cooperados. A meta conjunta é a produção de cafés finos e especiais, com qualidade e sustentabilidade. Instalações de última geração para rebenefício, preparo e despacho de cafés somada a uma localização estratégica, fazem da SMC um dos mais eficientes fornecedores de cafés especiais do Brasil.

Sobre a Palini &Alves

Há mais de 35 anos a Palini & Alves surpreende o mercado de máquinas para o processamento de café e cereais. A Palini & Alves é líder no segmento de máquinas agrícolas para o processamento de café, e uma das melhores empresa do agronegócio brasileiro segundo o anuário da Revista Globo Rural. A Palini & Alves desenvolve projetos de alta tecnologia em maquinário agrícola, para produtores de todos os portes, de grandes armazéns à estruturas de armazenagem compactas, de grandes à pequenos exportadores e cerealistas, com diferentes capacidades de produção. Inovação constante, este é o DNA da Palini & Alves.